Supercomputador “K” com 88 mil processadores

Desde 2010, a Fujitsu vem trabalhando no supercomputador “K”. Em Barcelona, a empresa exibiu o que realmente faz parte do conjunto final: a placa-mãe, com direito aos pentes de memória RAM e dissipadores à mostra.

De acordo com as informações do estande, o projeto ficará pronto até junho deste ano, e já quebra a barreira dos 11 petaflops, usando nada menos do que 864 das placas-mãe exibidas. No total, são mais de 88 mil processadores e 1,4 petabytes de memória trabalhando em conjunto.

Mais assustador ainda é pensarmos que cada um dos processadores SPARC64 carrega 8 núcleos. E agora, qual será o próximo passo para a companhia.



A Fujitsu está desenvolvendo um supercomputador em parceria com RIKEN, o instituto japonês de pesquisas em ciências naturais. Financiado pelo Ministério da Educação, Cultura, Esportes, Ciência e Tecnologia, o supercomputador “K”, como vem sido chamado, deve estar pronto até o outono de 2012.

Os números impressionam: o supercomputador será constituído por 80 mil processadores de 8 núcleos, cada um operando a 2,2 GHz. Depois de pronto, o “K” estará distribuído dentro de 800 racks e terá 10 petaflops, o que o possibilitará realizar até 10 quadrilhões de cálculos matemáticos por segundo.

Para compararmos e termos uma ideia da grandiosidade do projeto, o supercomputador mais rápido do mundo é o XT5. Ele está hospedado no Laboratório Nacional de Oak Ridge, nos Estados Unidos, e tem “apenas” 1,75 petaflops.

Uma idéia de como será aparência do

Os processadores utilizados no “K” serão os ultrarrápidos SPARC64 VIIIfx, que a Fujitsu está concluindo. De acordo com a empresa, esses processadores são capazes de realizar até 128 bilhões de cálculos por segundo.

A empresa trabalha desde 2006 para o projeto do governo japonês de desenvolvimento da nova geração de supercomputadores.

Mais imagens:


[gallery ids="617,618"]



Share on Google Plus

About Thiago Rodrigues

Formado em Sistema de Informação pela Faculdade Paraíso
O que falar de mim? Não á muito, mas garanto que meu objetivo aqui é somente ajudar!
Atualmente desenvolvendo o projeto do QiEstudo.

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário